Charutos de forno!

Imagem

Quase nunca fui de comer charutos de folha de uva. Sempre preferi os de repolho mesmo, primeiro porque é muito mais fácil de se encontrar repolho para comprar, do que folhas de uva, principalmente tratando-se de Porto Feliz, hehehe. Segundo porque acho que o sabor do repolho é mais suave, gosto mais!

Mas esses dias, vi uma foto linda de vários charutos de folha de uva, e gritou uma vontade dentro de mim. Porém, pelas ironias do destino, folha de uva é um dos únicos alimentos que pelo menos por um bom tempo, não poderei comer nessa nova vida, juntamente com o bagaço da laranja, o coco (em fruta, o ralado pode), e palmito duro. Esses alimentos são muito fibrosos, e o estômago que ainda está reaprendendo a funcionar, não daria conta de digeri-los, já que só a mastigação não é suficiente para “quebrar” esses alimentos.

Enfim, só estou contando isso para vocês verem como funciona o cérebro da gente né? Só porque eu não posso, fiquei com vontade!!

Então, resolvi meu problema com um charutinho de repolho mesmo. Fiz minhas adaptações, preparei no forno com o recheio já cozido, ao invés de levar na panela com o recheio cru, e substituí o arroz branco, pelo arroz 7 grãos. E adorei! Vocês podem substituir o arroz 7 grãos pelo integral, ou pelo branco se preferirem, não tem problema nenhum, viu?!

Vamos à receita:

Imagem

Ingredientes

  • 1 repolho
  • 1 xícara de arroz integral 7 grãos
  • 1 tomate picadinho
  • 300 g de carne magra moída
  • 3 dentes de alho
  • 1 cebola picadinha
  • 1 colher café páprica doce
  • folhas de hortelã
  • molho de tomate natural
  • sal à gosto

Modo de preparo: Coloque o repolho inteiro, numa panela de água fervente, até que as folhas amoleçam para ficar fácil de destacá-las. Numa panela à parte, cozinhe o arroz 7 grãos (eu só cozinhei com água e sal, pois depois vamos misturá-lo com a carne que vai estar temperadinha). Para quem nunca usou o 7 grãos, não vá assustar, ele realmente é mais durinho que o normal, devido aos grãos contidos nele. Refogue a carne com o alho e a cebola, depois acerte o sal e acrescente hortelã picadinha e páprica doce. Em um recipiente, misture o arroz e a carne já prontos, com o tomate picadinho. Para montar o charuto, é só acrescentar o recheio no canto côncavo em que o talo é mais firminho, fechar as bordas horizontais, e enrolá-lo, formando um tipo de “pacotinho” (conforme a foto). Forre um refratário com molho de tomate (eu preparei ele bem pedaçudo, com manjericão, porque eu adoro ele assim), disponha os charutinhos e cubra com o restante do molho. Leve ao forno por mais ou menos 20 minutos. 

Anúncios

3 comentários sobre “Charutos de forno!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s